domingo, 8 de junho de 2014

Má gestão do PT: Fundo do Trabalhador tem rombo recorde e patrimônio pode se acabar em cinco anos

Má gestão do PT: Fundo do Trabalhador tem rombo recorde e patrimônio pode se acabar em cinco anos

Má gestão do PT: Fundo do Trabalhador tem rombo recorde e patrimônio pode se acabar em cinco anos

Matéria do jornal “O Globo” deste domingo (08) faz um alerta: o déficit nas contas do Fundo de Amparo ao trabalhador (FAT) aumenta cada vez mais ano a ano, e a continuar neste ritmo, em cerca de cinco anos todo o patrimônio do fundo terá se esgotado. Segundo “O Globo”, o orçamento do FAT, que será aprovado pelo Conselho Deliberativo do Fundo (Codefat) na próxima semana, prevê um déficit histórico de R$ 19,7 bilhões em 2015 — ou seja, 54,6% maior que o resultado negativo projetado para este ano, de R$ 12,7 bilhões. O aumento real do salário mínimo — que tem impacto nos gastos com seguro-desemprego e abono salarial (PIS) — e as desonerações autorizadas pela equipe econômica (PIS/Pasep) são os principais fatores de pressão nas contas do Fundo.
O patrimônio do FAT soma atualmente R$ 204,7 bilhões, sendo que 75% desses recursos estão emprestados ao BNDES para financiar projetos de infraestrutura remunerados pela Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), que está congelada em 5% ao ano. O restante dos ativos está aplicado no Fundo BB Extramercado, em depósitos especiais e em linhas de crédito destinadas a programas de geração de emprego e renda oferecidos pelos bancos públicos. Como o retorno das aplicações não tem sido suficiente para fechar as contas, o FAT passou a depender cada vez mais do Tesouro Nacional, que também está com o caixa apertado e precisa cumprir a meta de superávit primário (economia para pagar os juros da dívida). Assim, o Tesouro autorizou o Codefat a usar o excedente da reserva mínima obrigatória, de R$ 25 bilhões, que faz parte do patrimônio do FAT, e agora não há mais gordura para queimar.
Leia mais em “O Globo”.
Fonte via: http://www.alvarodias.com.br/2014/06/ma-gestao-do-pt-fundo-do-trabalhador-tem-rombo-recorde-e-patrimonio-pode-se-acabar-em-cinco-anos/

Em até cinco anos, a má gestão petista pode vir a acabar com todo o patrimônio acumulado no Fundo de Amparo ao Trabalhador. (Eduardo - Assessoria) Álvaro Dias

Nenhum comentário: